Dicas de Educação
Dicas de Educação
10 Dicas de como Escolher Livros para Crianças de todas as Idades
Editoria de Educação - 22 de Agosto de 2015
Autores: Alberto Silva Filho e Jon Talber[1]
Para Grupos etários a partir dos 5 anos de idade
"Se o educador é capaz de transformar um passatempo lúdico em uma atividade potencializadora da cognição útil, a este, apenas a este, podemos chamar de mestre..."
Escolher Livros infantis
Deixar a criança livre para escolher é uma manobra cognitiva que exige, da parte do adulto, muita disciplina e bom senso.
Escolher Livros infantis
Deixar a criança livre para escolher é uma manobra cognitiva que exige, da parte do adulto, muita disciplina e bom senso.

Se um dos maiores problemas educacionais de todos os tempos, um verdadeiro gargalo na vida docente, tem sido a tarefa de despertar nos mais jovens o interesse pela leitura, acreditamos que todo educador ou pai deveria, antes de tentar motivá-los, tomar conhecimento de algumas dicas simples.

Antes de mais nada, nem adianta começar, se, por exemplo, Pais ou Educadores não são leitores que possam servir de modelo para aquele público alvo.

Imagine a cena, onde um Pai ou Educador está a sugerir que seus filhos ou alunos leiam alguma coisa, quando eles próprios são avessos à leitura? Como fazer o papel de uma vitrine sedutora, se as pobres crianças nunca viram um livro em suas mãos, não um livro sendo carregado, mas, antes disso, sendo folheado, apreciado e lido?

Um novo leitor é acima de tudo alguém que foi motivado, com razão, por outro leitor. Não acreditamos em situações onde um novo leitor seja incentivado por alguém que não gosta de leitura.

Além disso, eles, os pequenos, ainda não contemplaram aquele olhar de satisfação que reflete de forma luminosa e inquestionável no rosto de todo leitor que acaba de se deliciar com uma boa obra literária, seja na forma de um livro, ou de uma simples revista em quadrinhos. Assim, de cara, aquele "argumento" silencioso, que as crianças percebem facilmente e incita sua curiosidade, já não poderá ser usado como um grande trunfo nas primeiras sondagens.

Lembre-se, criança tem um interesse natural para as coisas que seus pais fazem quando estão em suas presenças, seja o nutrir de um vício patológico, seja incentivar através do autoespelhamento indireto as boas práticas cognitivas, usando para isso, o insubstituível processo do exemplo pessoal útil.

Longe de ser um tratado completo sobre tão amplo assunto, o presente texto se presta a ser mais uma ferramenta para auxiliar pais e educadores nessa desafiadora empreitada!

Eis a lista:

  • Deixe as crianças escolherem seus próprios livros, tão logo demonstrem interesse por um ou outro. Inicialmente procure não interferir em suas escolhas. E caso ela escolha algum que a desagrade depois, não faça disso um obstáculo para suas futuras livres escolhas.

  • Descubra a seção de livros infantis de sua livraria preferida. Vá conhecer de perto, ali pode ser uma boa fonte. Leve sua criança junto. Faça disso um hábito regular, uma atividade de lazer. E o mais importante, faça isso apenas se você estiver com vontade, se for do seu agrado; lembre-se, sua má vontade irá servir como um avassalador agente para

  • Descubra no que suas crianças estão interessadas e ajude-as na escolha dos livros que estão relacionados com os seus interesses. E, lembre-se, muitos desses interesses podem ser conduzidos por você, assim, as boas escolhas poderão ter o seu toque pessoal.

  • Pergunte a amigos, familiares e professores, quais os livros que os filhos destes estão lendo. Tente criar uma espécie de central de trocas, intercâmbio ou empréstimo.

  • Se sua criança não gosta de um livro que estejam lendo juntos, você e ela, deixe-o de lado. Leitura é uma ocasião para diversão e não para brigas ou conflitos desnecessários.

  • Mais uma vez, e outra, e ainda outra. Crianças, por vezes, costumam ler o mesmo livro várias vezes, mesmo você achando que aquele exemplar não é mais adequado para sua nova faixa etária. Simplesmente, deixe-as em paz.

  • Veja regularmente as listas de livros distribuídas por canais especializados, ou nas revistas que são disponibilizadas por algumas grandes livrarias, onde sinopses de novas publicações são divulgadas. Normalmente, tais publicações destacam grandes sugestões de livros, e o mais importante, tudo comentado, e de graça.

  • Procure por livros que você gosta de ler em voz alta. Seu contentamento é uma forma de contágio positiva. E, lembre-se de uma coisa importante: Livros em forma de Quadrinhos, ou aqueles quadrinhos mais qualificados e não violentos, são excelentes meios positivos de entrada para o despertar do hábito da leitura.

  • Experimente diferentes tipos de livros, gêneros, para ver aqueles que mais despertam o interesse das crianças.

  • Divirta-se. Mostre para sua criança todo prazer que a leitura proporciona, e como esse hábito é capaz de abrir novos horizontes para sua vida pessoal e profissional. Eventualmente, comente sobre aquilo que leu, citando a fonte, e sempre tomando o cuidado de não entrar em seu mundo sem ser convidado.

Editoria de Educação do Site Mundo Simples.
Veja mais detalhes sobre os autores nas notas abaixo.

Nota de Copyright ©
Proibida a reprodução para fins comerciais sem a autorização expressa do autor ou site.

[1] Alberto Silva Filho - albfilho@gmail.com
É pesquisador das Ciências Cognitivas e orientador em educação infantil e adulta, inclusive da terceira idade, com especialização em Educação Integral e Consciencial. É também escritor de contos infantis e adultos, e um dos colaboradores fixos deste Site.
O autor não possui Website ou Blog pessoal.

Jon Talber - jontalber@gmail.com
É Pedagogo, Antropólogo e escritor especializado em Educação Integral e Consciencial. Estudou por mais de 30 anos as filosofias orientais e o comportamento das muitas culturas do mundo, seus sistemas educativos, doutrinas, dogmas, mitos, etc. Torna-se mais um colaborador fixo do nosso Site, onde pretende compartilhar parte daquilo que aprendeu ao longo de sua jornada.
O autor não possui Website, Blog ou página pessoal em nenhuma Rede Social.

Mais artigos dos autores em: http://www.sitededicas.com.br



Mais Sugestões de Leitura

Outras Sugestões de Leitura do mesmo Tema...